Home > Navegue

DESAPEGO

Não se apeguem a situações ou pessoas. Façam suas caminhadas irmanados, apoiando-se sem, no entanto, tornarem-se dependentes. Esta é uma recomendação tanto em relação à convivência dos trabalhadores desta Casa, entre si, como um alerta para posturas que adotem e gerem dependência em quem busca auxílio.

Privilegiar a autonomia, fazer as opções por vontade própria, estar atento ao que o corpo, a mente e a alma pedem é salutar e estimula o crescimento, além de impedir que através de opiniões inadequadas cometam enganos dos quais a ninguém mais poderão culpar que não a vocês mesmos.

Enquanto agirem em conexão com seus mentores terão maior facilidade em fazer escolhas de toda ordem e ainda que cometam erros, estes fazem parte do processo do Aprendizado do Servir Amando.

Compartilhar dificuldades, buscar apoio, orientação, proteção também é parte deste aprendizado, porém sem que ninguém se torne mais importante que a própria pessoa em suas decisões.

Algumas vezes percebemos que quem está fragilizado em desequilíbrio na sua saúde física, emocional e/ou espiritual, tende a prender-se a quem o recebe nesta Casa e, para quem o acolheu a vaidade, muitas vezes, fica alimentada com esta possível dependência.

É preciso agir com suave firmeza e não alimentar nenhum apego dependente de quem quer que seja; pelo contrário, esperamos que estimulem o outro a tomar suas decisões buscando contato com seu próprio mentor e ligando-se aos seus mais profundos sentimentos.

Em momentos de crise é importante ser o foco de segurança para quem busca ajuda, passado este momento devem ir fortificando as fragilidades manifestas através do estímulo ao que a pessoa apresentar de saudável e positivo em seu proceder. Não esqueçam, também, que quanto menor for o grau de dependência ou apego, menor será o sofrimento quando a distância se interpuser entre os que assim estão vinculados.

Entendam que não os estamos a orientar para que vivam em isolamento afetivo para não sofrer, mas sim, que os sentimentos que nutrirem uns pelos outros, os mantenham libertos de posturas não salutares.

Com o passar do tempo e as situações que irão ocorrendo alcançarão o exato propósito de nosso alerta.

Amem em liberdade

   Protejam com carinho

        Orientem com generosidade.

Luz e Paz.

 

Anabando

 

Recebida pela Magali em 20/09/2010

Revisão: Clovis