Home > Navegue

A HISTÓRIA DE CADA UM

Estão escrevendo histórias que não precisariam, estão deixando que a imaginação de cada um voe para longe daquilo a que precisariam estar atentos.

Você que está lendo estas linhas, neste exato momento, o que tem feito por si, por seu crescimento espiritual, por sua evolução no sentido de ser mais generoso fraterno e comprometido com as tarefas que lhe cumpre executar?

Quanto do escasso tempo que tem, comparado com a eternidade, está dedicando a sua reforma íntima, a uma real imersão no que existe de mais profundo em seu Ser, para poder trazer à tona o que precisa ser melhorado, ampliado, corrigido?

Notamos quanto se deixam envolver pelas quizilas de suas rotinas e esquecem que o instante, assim como este em que tomam contato com este recado passa rápido, e não tem retorno, e ao deixá-lo passar sem que dele tenham tirado o melhor proveito, perdem uma valiosa chance de ampliar conhecimentos e tornarem-se Seres melhores.

Gostaríamos que prestassem o máximo de atenção ao que estão a pensar, sentir e executar, pois atitudes tomadas sem o máximo de consciência e sem conexão com a espiritualidade, facilitam a ocorrência de enganos insanáveis, que lhes aporta arrependimento muitas vezes tardio.

Muitos agem sem pensar, deixam-se envolver por emoções intensas e acabam por se prejudicar em situações em que poderiam sair gratificados e não frustrados.

Quem se identifica com tal proceder, pode perfeitamente fazer da autoatenção um aprendizado permanente, uma vez que só estando atento ao que faz é que pode modificar o que for preciso.

Não deixem que suas mentes fiquem libertas de vigilância, uma vez que quando tal ocorre tornam-se portas abertas para qualquer energia, que nem sempre é positiva.

Busquem realizar o máximo daquilo com que se comprometeram, ainda que não saibam exatamente o que seja, pois basta manterem-se conectados com seus Orientadores para que as intuições ocorram e descubram o que precisa ser feito a cada momento.

O que estamos a lhes sugerir é algo simples para os que sabem valorizar o apoio que constantemente recebem do Mestre, através de seus pessoais orientadores, e que priorizam a evolução espiritual através do aprendizado do Servir Amando.

Quando constatarem que falharam por desatenção, inabilidade ou engano avaliativo não se culpem, uma vez que isto faz parte da condição de quem está na matéria, entretanto, tirem de cada experiência um aprendizado.

Para que sua trajetória seja condizente com seu compromisso faça, sempre, o seu melhor e deste modo sua história será aquela que precisa ser escrita, conforme o programado.

Seja a Luz do Mestre o seu guia.

 

Anabando

 

 

Recebida pela Magali em 13/10/2011

Revisão: Clovis