Home > Navegue

FILHAS QUERIDAS

Alcanço a vocês que são ou serão mães, meu reconhecimento por se considerarem minhas filhas espirituais.

É verdade que as considero filhas especiais, por serem mulheres que buscam, em meio a tantas solicitações, se manter disponíveis para gestar um Ser em seu ventre.

Dirijo-me a todas que circulam nos espaços desta Casa, que conseguem compartilhar suas condições afetivas com aqueles com quem interagem, muitas usando de sua maternalidade para acolher os que se mostram tão carentes e assustados quanto um filho frente ao desconhecido.

Nós sabemos que não há necessidade de momentos específicos para serem reconhecidas como mães, entretanto, o mundo em que ora se encontram assim estabeleceu e disto não se podem furtar, portanto, recebam o carinho de seus filhos e aproveitem para dizer-lhes do quanto é bom tê-los junto a si.

Uma palavra especial para as mães que já não têm seus filhos próximos, pois que o tempo do retorno à espiritualidade se fez presente e nada lhes restou além de aceitar que assim deveria ser.

Confortem-se com as lembranças dos momentos vividos, com as trocas afetivas e sejam gratas por terem tido a oportunidade de uma convivência de integração amorosa.

Como mãe espiritual, de todas as filhas desta Casa, abraço-as com muito amor e carinho, espargindo sobre vocês energias luminosas e róseas para que se saibam protegidas e amparadas, em todos os seus momentos.

As bênçãos do Mestre recaiam sobre todas, fazendo vibrar seus melhores sentimentos e deixando-as receptivas para receber o afeto que merecem.

 

Aura Celeste

 

 

 

Recebido pela Magali em 07/05/2013
Revisão: Clovis