Home > Navegue

O JARDIM DAS OLIVEIRAS

O Jardim das Oliveiras são às horas de inquietação vividas por todos nós na experiência evolutiva. Ele existiu também para o Mestre Jesus que experimentou o desolamento; ele representa os nossos momentos de dúvida, atingindo-nos quando fragilizamos a nossa fé; ele é a oportunidade única de chamar a proteção do Pai.

Muitos são os que permanecem temporadas inteiras no Jardim das Oliveiras; muitos são os que passam nele toda a sua existência material, pois suas vidas são agonias constantes e ininterruptas; outros ficam lá uma temporada; alguns cruzam por ele de passagem, porém raros não o conhecem. O tempo que nele gastam é proporcional ao grau da fé que possuem, eis que somente poucos são os que têm fé firme como o aço e a rocha, por isso quase todos nós, periodicamente, visitamos, nem que seja por momentos, o Jardim das Oliveiras. Agonizamos seguidamente e não nos lembramos de usar o único remédio para o nosso sofrimento, para a nossa amargura: a prece.

Jesus, o Mestre Adorado, lá se encontrando suplicou ao Pai forças para resistir à sua dor, à sua paixão. Lá Ele esqueceu os homens que O magoavam, que O maltratavam e injuriavam, e lembrou-se que só no Pai Eterno encontraria refúgio, então orou. Quando vieram encontrá-Lo, Ele estava sereno, em paz, tomado de uma força que não O deixou mais fraquejar. Que exemplo de fé, resignação e amor deixou o Mestre, perdoando e pedindo ao Pai que perdoasse aos seus algozes.

Meus irmãos! Quando se encontrarem também nos Jardins das Oliveiras, supliquem ao Jesus amado a paz para sua alma atormentada, a esperança e a fé. Ele lhes ouvirá e receberão o bálsamo consolo dos aflitos: a paz espiritual.

O Jardim das Oliveiras é um tempo de prova e ele existe para todos os filhos do Pai, assim como existiu para o seu amado filho Jesus, o nosso Mestre, que morreu na cruz.

Procurem compreender a beleza do significado do Jardim das Oliveiras: expiação e agonia de uma alma em busca de força.

Adeus de seu irmão

 

 

                                                                  Messias

 

Recebido pela Nydia em 28.08.1953.

Atualização: Clovis

Explicação sobre a mensagem “O Jardim das Oliveiras”

 

Esta mensagem foi recebida efetivamente por Nydia Correa da Silva em 28 de agosto de 1953, e foi atualizada para a forma de comunicação presente.

O objetivo não é outro senão o de mostrar a todos os filhos do Pai, mais uma vez irmanados numa caminhada de libertação sob a proteção da amada Nossa Casa, que a prece, muitas vezes esquecida, é o bálsamo que alivia as dores decorrentes das agruras que diversas vezes enfrentamos.

A Nydia mais uma vez foi intuída no sentido de buscar algo que há 54 anos, quando possivelmente se encontrava em treinamento psicográfico, recebeu para alertar aos que se encontravam no Jardim das Oliveiras à época, do doce remédio para as suas dificuldades, a prece.

Como vemos, mesmo tendo a idade referida, a mensagem é atual, aliás, o será para sempre.

Esta é mais uma oportunidade de aprendermos com aqueles que no Plano Espiritual encontram-se permanentemente preocupados conosco, e que nos trazem alertas quase que diariamente.

Tenham fé, experimentem.

 

 

Responsável pela explanação: Clovis